Quarteto Verazin

agrupamento de cordas residente do Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim





Agrupamento residente do Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim (FIMPV), o Quarteto Verazin (QV) foi criado pela Associação Pró-Música da Póvoa de Varzim em 2007. Nesse mesmo ano, ocorreu a sua primeira apresentação pública, no âmbito da programação nuclear da 29ª edição do Festival. Integra-se regularmente na sua programação, desde então. Dedica-se à divulgação do extenso repertório escrito para quarteto de cordas, tendo já interpretado em público obras de Barber, Beethoven, Borodin, Brahms, Chausson, Debussy, Dvorák, Golijov, Grieg, Joly Braga-Santos, Joseph Haydn, Mendelssohn, Pärt, Prokofiev, Ravel, Schubert, Shostakovich, Viana da Motta e Hugo Wolf.

O QV tem beneficiado das diversas masterclasses de música de câmara promovidas pelo FIMPV nomeadamente com os quartetos de cordas Prazak, Fine Arts, Pavel Haas, Ardeo e Ebène. Trabalhou com Vladimir Mendelssohn e Jacek Klimkiewicz, na Folkwang Hochschule de Essen, e foi também orientado pelos Professores Ryszard Wóycicki, Ana Bela Chaves, Radu Ungureanu e Pavel Gomziakov.

É regularmente convidado a colaborar nas mais diversas actividades sócio-culturais do concelho da Póvoa de Varzim e região Norte de Portugal, destacando-se concertos realizados nos Dias da Música (CCB), Festival de Música Estoril Lisboa e Casa da Música.

Já colaborou com diversos solistas em concerto, sendo de destacar a soprano Raquel Camarinha e os pianistas Daniel Cunha, Yoan Héreau, Sérgio de A e Raúl da Costa.

Em Janeiro de 2018, inaugurou o ciclo de concertos pedagógicos “Ala-Arriba”, a concretizar ao longo do ano em vários recintos da Póvoa de Varzim – iniciativa dedicada à captação de novos públicos.

Gravou recentemente a obra “As Sete Últimas Palavras de Cristo na Cruz” de J.Haydn para a editora Paulus, com a colaboração da Basílica dos Congregados, Braga.

O Quarteto Verazin aposta fortemente na estreia e divulgação de novas obras, sendo dedicatário do Quarteto nº 2 – “Movimentos do Subsolo” e Quarteto nº4 de António Pinho Vargas e “Verazin nº1” de Carlos Azevedo, obras encomendadas pelo FIMPV. Estreou também em Portugal “Tenebrae” de O.Golijov e “Quimera Etérea” de Inés Badalo Lopez.

Quarteto Verazin

agrupamento de cordas residente do Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim

Organização
Apoios Institucionais